Novo vice-presidente Regional do Sul é de Imbituba




O empresário Jaime Pacheco Alves de Imbituba foi eleito vice-presidente regional pelas associações empresariais que compõem a regional Sul de Santa Catarina. A Reunião Plenária Regional aconteceu nesta quarta-feira, 29/7, de forma virtual. Jaime sucede Samuel Ramos de Lima de Garopaba. Jaime destacou que representar líderes é um grande desafio. “Já tinha pendurado as chuteiras do associativismo, mas com um chamado recebido por três grandes amigos, resolvi aceitar. Muitos nem sabe quanto trabalhamos e muito do que acontece na nossa região, acontece por contas das associações empresariais”. O empresário que deixa o cargo, Samuel, falou sobre o trabalho realizado durante o período e a coesão das entidades da região. “Somos uma região muito unida, que luta pelo nosso desenvolvimento, e vamos continuar lutando”.

Jonny Zulauf, presidente da Facisc, traçou várias considerações a respeito do cenário atual. Ele e outros componentes da diretoria participaram do encontro. O presidente destacou o papel das associações empresariais e a força que trazem para Sul catarinense. Também falou sobre a posição da federação em relação ao impeachment do governador e a vice. “Os deputados catarinenses devem desviar sua atenção para os assuntos delicados que temos neste momento”, declarou. Também durante a reunião, o empresário Sérgio Rodrigues Alves, apresentou seus objetivos como candidato a presidente da Facisc.
Adilson Silvestre, presidente da ACI de Imbituba, que foi a associação empresarial anfitriã do evento, destacou a importância da participação de todos, mesmo que à distância.
O superintendente institucional da Facisc, Gilson Zimmermann, mediou a reunião e destacou ações realizadas pela Facisc nos últimos quatro meses. Ederson Rosa, consultor comercial da Facisc, falou do crescimento das associações empresariais na pandemia. “O crescimento por meio das soluções foi de 17,5% neste período”. A consultora do Programa Empreender, Mariane Bergman explicou que o Programa está em seis ACIs, 347 empresas em 24 núcleos empresariais. Ela destacou o trabalho de mobilização de empresas para a abertura de novos núcleos. “Mesmo com a pandemia e com restrição de eventos coletivos, abrimos cinco núcleos na regional”. Carina Casanova Pires, que atua como consultora de Atuação Regional, destacou que a região Sul foi a terceira região que mais cresceu em número de associados. “Em um momento delicado tivemos aumento de 1% no número de empresas. Isso pode parecer um número pequeno, mas em meio à pandemia onde a maioria perde vínculos com seus associados, a região cresceu”.
A BR-285 foi tema da reunião. Antônio Guimarães Filho, fez uma apresentação sobre o andamento da obra que deve ser inaugurada em dezembro, pelo menos a parte do trecho catarinense, e é de grande importância para a região Sul e para SC. “O pavimento rígido em concreto a faz uma obra de qualidade excepcional. É uma referência no Brasil”. A etapa gaúcha, por sua vez, está bem atrasada. Nem teve andamento do processo licitatório. “O que vem se buscando é um embasamento jurídico para dar andamento ao processo licitatório”. O valor que estava alocado para a obra com a pandemia foi realocado para o Ministério da Saúde. Há quase 10 anos as associações empresariais lutam por esta ligação.
LGPD na mão
Um aplicativo que surgiu para esclarecer os pontos da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) foi lançado durante o evento. A GDR Consultoria e a MSI Tecnologia criaram o aplicativo para auxiliar às empresas. Procure na loja e baixe para os seus colaboradores para conhecer e mudar a cultura em relação ao uso de dados dos clientes.