Núcleos da ACISMO desenvolvem projeto “Geração Empreendedora”




O Núcleo dos Jovens Empreendedores da Associação Empresarial de São Miguel do Oeste (Acismo), e o Núcleo da Mulher Empreendedora, estão desenvolvendo o projeto “Geração Empreendedora”. O objetivo principal do projeto é fomentar a cultura empreendedora e intraempreendedora em jovens, e despertar neles a vontade de se visualizar no mercado de trabalho sendo que, na última sexta-feira (20), aconteceu a apresentação de quatro grupos da dinâmica “Quero abrir minha empresa”.

De acordo com a coordenadora do projeto, Moyra Romani Wandscheer, ele está em andamento desde o mês de junho deste ano e tem como público alvo, jovens que estudam no 2º ano do Ensino Médio e os empresários que atuam como voluntários no projeto. Segundo ela, o projeto está dividido em quatro etapas: Etapa Play, onde os jovens participam de uma capacitação online; Etapa Dinâmica “Quero abrir a minha empresa”; Etapa “Banca Dinâmica” e a Etapa “Um dia de Empreendedor – Mentor Team”.

Inicialmente 30 jovens participaram da primeira etapa, sendo que na última sexta-feira, o evento contou com 15 participantes na dinâmica “Quero abrir minha empresa”, onde os jovens apresentaram os planos de negócios desenvolvidos para uma banca examinadora

“Na banca, a gente contou com a participação de cinco empresários convidados do Núcleo dos Jovens Empreendedores e Núcleo da Mulher Empreendedora e, a frente desses jovens, nós temos multiplicadores que são, de certa forma, os orientadores para que eles desenvolvam a dinâmica ‘Quero abrir a minha empresa’”, explica Moyra.

A coordenadora do projeto explica ainda que, na dinâmica de sexta, os jovens apresentaram empresas ligadas ao ramo vestuário, de insumos e equipamentos agrícolas, embalagens personalizadas para empresas, sendo que o ganhador na avaliação foi o projeto da empresa de impressão Sweet Home 3D.

Segundo Janaine Maria Tomazin, que faz parte do Núcleo da Mulher Empreendedora e participou como multiplicadora acompanhando um dos grupos, o momento foi incrível e deverá ter continuidade nos próximos anos. “Foi um projeto incrível, e é muito gratificante ver o resultado dele, ver a participação dos jovens e a felicidade deles em poder concluir suas empresas. Achei bem válido o encontro e a experiência que eu tive foi desafiadora, pois aprendi junto com eles, então eles cresceram e eu pude crescer também. Em um resumo geral, esse é um projeto que deverá ser continuado porque ele realmente fez a diferença, e esperamos que, até o fim do Geração Empreendedora, a gente possa influenciar ainda mais positivamente na vida desses jovens”, relata.

“Agora, essa empresa ganhadora vai participar a nível de Estado da banca, e eles serão avaliados novamente”, reforça. A coordenadora finaliza explicando que as expectativas com o projeto estão sendo alcançadas. “As expectativas foram alcançadas sim, porque já percebemos o desenvolvimento e crescimento, tanto pessoal quanto profissional dos jovens”, finaliza.