Jaraguá do Sul avalia criação de Núcleo de Negócios Internacionais na ACIJS




Dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia, mostram que as exportações brasileiras no mês de setembro alcançaram a cifra de US$ 28,95 bilhões, um crescimento de 18,8% em comparação com mesmo mês do ano passado. Já as importações totalizaram US$ 24,96 bilhões, 24,9% maior do que em setembro de 2021. Com esse resultado, as exportações superaram as importações em US$ 3,99 bilhões, o que significa que houve superávit. A soma das vendas e das compras no mercado internacional aumentou 21,5% em setembro e chegou a US$ 53,91 bilhões.

Santa Catarina é um dos estados com forte atuação no mercado global
Em Santa Catarina, o Observatório da Indústria também mostra desempenho positivo da balança comercial do Estado. As exportações de janeiro a setembro somaram US$ 980,88 milhões e as importações US$ 1,71 bi. Segundo a plataforma mantida pela FIESC, na região do Vale do Itapocu, as exportações no mesmo período somaram US$ 90,42 milhões e as importações US$ 62,48 milhões.

O cenário favorável e a tradição de foco no mercado internacional das indústrias da região são indicativos para estimular empresas que atuam em toda a cadeia de negócios a se unirem em torno de um Núcleo Empresarial. Com esse objetivo, a ACIJS realiza nesta quarta-feira (19) reunião de sensibilização com representantes de empresas que atuam diretamente no comércio exterior.

–> Empresas interessadas em participar do núcleo ainda podem procurar a ACIJS. Saiba as vantagens em ser nucleado pelo contato de WhatsApp: (47) 98900-7612.

A reunião ocorre no Centro Empresarial, às 19 horas, e podem participar empreendedores e gestores da indústria, que hoje atua no mercado internacional, em áreas de comércio exterior, importação, exportação e logística, empresas de operações cambiais, transporte internacional de mercadorias, empresas do trading e do setor de desenvolvimento de fornecedores no exterior, assessorias de comércio exterior e de despachos aduaneiros, internacionalização, agentes internacionais de frete, operações logísticas, serviços de terminais portuários, operações aduaneiras e operações tributárias relativas à importação, e corretoras de seguros de cargas internacionais, entre outras atividades.

A participação é gratuita e aberta para qualquer empresa de Jaraguá do Sul com interesse em conhecer a proposta de criação do Núcleo de Negócios Internacionais, mesmo as não associadas à ACIJS. Para falar sobre a importância da atuação voltada ao mercado externo e o movimento do associativismo empresarial, participa da reunião o sócio administrador da Sol Sports & Paragliders e vice-presidente Financeiro da ACIJS, Ary Carlos Pradi.