Ex-presidentes da AEMFLO visitam a nova sede




Nesta quarta-feira (26/5), sete ex-presidentes da AEMFLO visitaram a nova sede, localizada às margens da BR-101, no Distrito Industrial de São José. O grupo formado pelos empresários Conrado Costa Filho, Osmar Müller, Ricardo Martins, Luiz Carlos Neves, Odílio Guarezi e Marcos Antonio Cardozo, foram recebidos pela atual presidente da AEMFLO, Nadir Koerich, juntamente com o presidente do Conselho Deliberativo, Laércio Tabalipa e os membros da Comissão de Obras da nova sede, Gilberto Rech, José Maciel Neis, Zamir Pereira e pelo coordenador da Comissão, Tito Alfredo Schmitt, que também é ex-presidente da entidade. Todos se reuniram no novo auditório de cursos e eventos.

Em sua explanação, Nadir destacou que a obra é resultado de um trabalho desenvolvido por empresários desde 1984, quando a entidade foi criada com o nome AEDIS –  Associação Empresarial do Distrito Industrial de São José – que, dois anos depois, ampliou o seu trabalho e sua área de atuação e passou a se chamar AEMFLO.

“Graças às ações implementadas por cada gestão, conseguimos chegar até aqui, com uma obra magnífica, que representa a força do associativismo. A dedicação dos nossos colaboradores, a qualidade da execução do projeto com a Fórmula Engenharia, o acompanhamento e validação de todo o processo com a nossa Comissão de Obras e o apoio de toda Diretoria, Conselhos e associados, também foram fundamentais para tornar nosso antigo sonho em realidade”, complementou a presidente.

“A nova sede é fruto de uma semente que foi plantada há muitos anos. Aos poucos, nossa “árvore” foi sendo regada por cada gestão para promover seu crescimento. Agora, unidos possamos fazer florescer”. Disse o ex-presidente, Odílio Guarezi.

“Teremos uma estrutura nova para auxiliar as empresas, principalmente os micro e pequenos empreendedores, a vencerem os impactos que a pandemia trouxe e ainda continua refletindo na economia”.  Frisou o ex-presidente, Luiz Carlos Neves.

Em duas horas de conversa, os empresários contaram suas trajetórias na AEMFLO, relembrando as principais conquistas e desafios nesses 36 anos de história da entidade. Momento de comemoração e de reviver as memórias.