Em noite especial, empresariado lourenciano é homenageado e reconhecido em evento da Acislo




Numa noite de homenagens e emoção, a Associação Empresarial e Cultural de São Lourenço do Oeste (Acislo), reconheceu, na sexta-feira (24), no Clube Recreativo Araucária (CRA), o Empreendedor e a Empreendedora do Ano 2021. Willian Pavlik e Flavia Martins Pedro Pederssetti, respectivamente, foram os laureados da noite. No evento também foram reconhecidos quatro CNPJs mais antigos, a Mulher Empresária Pioneira e entregue os troféus Lourenciano de Valor, Inovação e Responsabilidade Social.

Pavlik, da empresa Agro São Valentim e reconhecido empreendedor do ano, não escondeu a surpresa e o nervosismo ao subir ao palco para receber a honraria. Em seu discurso, dedicou o prêmio a equipe e reforçou que o troféu Ângelo Fantin avaliza o trabalho da empresa. Segundo ele, os desafios são grandes e diários. “Eu confesso que fiquei surpreso, pois a gente tem muitos exemplos de empresas em São Lourenço do Oeste que estão há mais tempo no mercado. Isso nos coloca num compromisso ainda maior, pois agora precisamos honrar essas empresas, a história da Acislo e a história de São Lourenço do Oeste”, se compromete.

Para o empreendedor do ano 2021, a dedicação ao trabalho foi o que credenciou o seu nome ao prêmio. “O mercado é instável e as vezes há dúvidas, mas todos os dias a gente abaixou a cabeça e trabalhou”, disse afirmando que o prêmio traz ainda mais motivação. “Se algum dia passou pela cabeça a ideia de parar ou desistir, esse reconhecimento afasta qualquer tipo de opção nessa linha. Para trás nem para pegar impulso”, garante.

Dona do troféu Mulher Empreendedora, Flavia Martins Pedro Pederssetti também ficou emocionada com o reconhecimento. Ao usar a palavra registrou sua trajetória, dando ênfase ao começo do trabalho. Segundo ela, foi um período de reinvenção e desafios, mas que frutificou e deu certo.

Fernando Pressoto, presidente da Acislo, confirma que o empreendedor do ano é um evento de gala, de reconhecimento, valorização e motivação do empresariado lourenciano. “É justo fazer esse reconhecimento e essas homenagens aos empresários que se dedicaram e fizeram algo a mais no ano que passou. Com certeza tudo isso serve de inspiração para que outros empresários sigam em frente”, justifica.

Questionado sobre o evento, o presidente da Acislo afirma que o formato já se tornou tradicional e é esperado todos os anos pela classe empresarial. “A gente sempre tenta inovar, trazer e acrescentar pontos ou categorias novas”. Segundo Pressoto, o formato continua.