Em Chapecó, Núcleo dos Centros de Formação de Condutores reforça importância da conscientização




Com o mote “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”, a Semana Nacional de Trânsito deste ano – comemorada entre os dias 18 e 25 de setembro – terá ações em todo o País com o objetivo de conscientizar todos os envolvidos, sejam eles motoristas, passageiros, motociclistas, ciclistas ou pedestres. A campanha foi instituída pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e as ações são realizadas pelos órgãos do Sistema Nacional de Trânsito.

O Núcleo dos Centros de Formação de Condutores da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) reforça a importância da iniciativa. A coordenadora do Núcleo, Kerla Adams, assinala que o objetivo da Semana é conscientizar a população sobre a importância da mudança de atitude, evidenciando que cada um é responsável pela segurança de todos e, por isso, deve perceber os riscos e proteger a própria vida e a dos demais ao seu redor. “Os acidentes de trânsito são uma das maiores causas de mortes no mundo. Podemos destacar que, pelo processo de educação, os condutores tornam-se mais conscientes de seu papel como cidadãos, atuando em prol da segurança nas vias”.

Kerla lembra que neste ano entraram em vigor alterações no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), entre elas novos prazos para renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o número de pontos que podem gerar a suspensão do ato de dirigir e a punição de quem causar uma morte ao conduzir o veículo após ter ingerido bebida alcoólica ou ter usado drogas.

Outra alteração é em relação ao uso de cadeirinhas no banco traseiro, que passou a ser obrigatório para crianças com idade inferior a dez anos que não tenham atingido 1,45 metro de altura. Pela regra antiga, somente a idade da criança era levada em conta. As mudanças também atingem os motociclistas. A lei restringe a circulação de crianças na garupa das motos: a idade mínima é dez anos. Antes, a legislação permitia que crianças maiores de sete anos podiam ir na garupa.

De acordo com Kerla, as empresas nucleadas têm um compromisso com a formação de condutores conscientes e responsáveis, capazes de proporcionar um trânsito mais seguro. “A Semana Nacional de Trânsito reforça nossa missão. Esperamos que as pessoas adotem novos comportamentos, valorizando a vida e, assim, seja possível reduzir o elevado número de lesões e de mortes causadas pelos acidentes de trânsito no Brasil. Com o trabalho de formação aliado às ações junto com o poder público almejamos fazer parte de um processo que nos leve a um trânsito cada vez mais seguro”, enfatiza.