Novo núcleo da Acic foca no comércio eletrônico




Com o intuito de desenvolver e fortalecer as empresas e empreendedores que atuam no comércio eletrônico, a Associação Empresarial de Criciúma (Acic) implantou o Núcleo de
E-commerce.

“Iniciamos as tratativas para a formação do núcleo antes da pandemia, mas tivemos que parar, devido às restrições. Retomamos em 2021, formando um grupo de empresas da região de Criciúma que tenham o mesmo propósito de comércio eletrônico. Estamos com aproximadamente 35 empresas relacionadas ao segmento de e-commerce. Podem participar aquelas que já têm ou estão com suas lojas on-line em construção”, destaca o coordenador do Núcleo de E-commerce, Augusto Freitas.

Conforme o coordenador, as empresas locais possuem grande potencial, porém necessitam de estruturação e metodologia para avançarem. “Nosso intuito é criar um mecanismo de trabalho para apoiar essas empresas, atuando por meio de capacitações, networking e inovação, estimular o conhecimento e trazer oportunidades aos participantes do núcleo. A ideia é realizar também parcerias com outros núcleos da entidade, como o de Marketing e o de Tecnologia da Informação”, explica Freitas.

“Pretendemos realizar palestras com pessoas do nosso segmento, para oferecer ferramentas, marketing, entre outros setores. Também vamos procurar a negociação em grupo para aquisição de insumos e contratação de transporte. Temos ainda o intuito de visitar empresas da região e de fora com destaque no segmento. Estamos formando esse time de associativismo e convidamos mais empresas a se unirem conosco”, acrescenta o vice-coordenador do núcleo, Gustavo Ghisi.

Crescimento e mão de obra qualificada

As vendas on-line ganharam ainda mais força com a pandemia e se tornaram para algumas empresas fator decisivo para continuarem atuando no mercado. “Com o número crescente de empresas entrando no mercado eletrônico e as vendas cada vez maiores, há uma grande demanda por mão de obra qualificada”, pontua Freitas.

Programa Empreender

Os núcleos da Acic seguem a metodologia do Programa Empreender, lançado no Estado pela Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc) e pelo Sebrae, reunindo grupos de trabalho, com o objetivo de quebrar o isolamento e promover o associativismo e o desenvolvimento do negócio por meio de iniciativas empreendedoras.

Atualmente, a Acic possui 25 núcleos, divididos em setoriais, multissetoriais e temáticos, envolvendo diversos setores econômicos.