Encontro on-line marca abertura do Onda Mentoria 2020




3ª edição do programa de mentorias do CEME iniciou oficialmente nesta quinta-feira (15), com a participação de 70 inscritas e 24 mentoras voluntárias

Foi dada a largada para a 3ª edição do Onda Mentoria, programa desenvolvido pelo Conselho Estadual da Mulher Empresária de Santa Catarina (CEME) e que, neste ano, ganhou um novo formato, totalmente gratuito e exclusivo às nucleadas catarinenses. “Estamos com uma nova proposta para o Onda, conectando nucleadas de todo o Estado, que
poderão aprender, umas com as outras, através da troca de experiências. Isso é associativismo, um aprendizado que não tem preço e fará a diferença para todas as empreendedoras que participarem”, enfatiza a presidente do CEME, Poliana de Oliveira.

O encontro de abertura ocorreu na noite desta quinta-feira, dia 15, através do Google Meet, com a participação das 24 mentoras voluntárias e suas 70 mentoradas – empreendedoras que receberão orientações dentro de uma área específica, agregando mais conhecimento à sua carreira e ao desenvolvimento de seu negócio. “Agradeço às mentoras e mentoradas por acreditarem em nosso projeto, que com certeza já é sucesso”, complementa a presidente.

As mentorias abrangem áreas como administração, gestão empresarial, planejamento estratégico, economia, contabilidade, inovação, marketing, vendas, gestão de pessoas, liderança e autoconhecimento.

Programa segue até final de novembro

A partir de agora, iniciam as mentorias individuais das mentoras com suas mentoradas. Cada participante terá direito a três encontros on-line, de uma hora cada, com sua mentora.
Ao longo do programa, também serão realizadas duas palestras on-line: a primeira delas, no dia 29 de outubro, sobre planejamento pessoal; a segunda, no dia 12 de novembro, com o tema planejamento empresarial. Ambas serão on-line, com transmissão às 19h, na plataforma Google Meet. No mesmo formato, dia 26 de novembro, ocorre o encontro de encerramento do Onda.

Empreendedoras na expectativa
A empresária e mentora Vanessa Lazzaron Scheeren, de Dionísio Cerqueira, acredita que o Onda será uma experiência fantástica, pois, em sua visão, trocar experiências é uma das formas mais poderosas de autodesenvolvimento. “Estou preparando os encontros com muito carinho, com foco total no alcance de grandes
resultados, resultados esses que serão conquistados durante os encontros e também depois que o programa terminar, para que a mentorada siga em evolução continuamente”, destaca Vanessa.

Lá da outra ponta do Estado, a nucleada Francisca D’altoé, de Forquilhinha, é uma das inscritas para receber a mentoria do Onda. Jornalista e empreendedora, ela espera que os encontros sejam produtivos, gerem conexões e fortaleçam o papel da mulher empreendedora em toda Santa Catarina. “Além disso, particularmente, quero aumentar o controle sobre a qualidade do meu tempo, fazer com que meu negócio cresça e prospere de uma forma saudável e produtiva”, pontua Francisca.

Acesse o site oficial do programa para saber mais e conhecer todas as mentoras desta edição:
https://ceme.org.br/onda-mentoria/