Acislo entrega Cartilha Voz Lourenciana a candidatos ao Executivo lourenciano




A Associação Empresarial e Cultural de São Lourenço do Oeste (Acislo) entregou, na noite desta terça-feira (29), a Cartilha Voz Lourenciana as duas coligações que disputam o Executivo lourenciano. O ato, realizado no auditório da entidade, reuniu lideranças partidárias e empresariais. Todos os protocolos de segurança dos órgãos de saúde foram respeitados.

O documento, editado a quatro mãos, reúne propostas dos membros da diretoria e conselho superior da associação e representantes da indústria, comércio e prestação de serviço. Em cinto temas centrais – trânsito, desenvolvimento econômico, desenvolvimento urbano, segurança e gestão pública – a cartilha relaciona 35 propostas. O documento pode ser acesso na integra pelo site da Acislo (www.acislo.com.br/cartilha)

Defendida por Loreci Catarina Smaniotto de Oliveira (PSDB) e Celso Bessegatto (PT), a coligação “São Lourenço Merece Mais! – PSDB, PT, PSD, Democratas e PDT” foi a primeira a receber o documento. A tucana disse que vai acolher a carta e analisar cada uma das propostas. Segundo ela, a sociedade é um organismo vivo e precisa ser ouvido. “O gestor precisa implementar um plano de governo onde é possível trabalhar de forma transversal. Otimizar recursos públicos e fazer mais com menos”, defendeu alegando que, pela atuação e formação, tem afinidade e conhecimento sobre os temas.

Respeitando a ordem alfabética e representando a coligação “São Lourenço no Rumo Certo – MDB, PP, PL, PSC, PODE”, Rafael Caleffi (MDB) e Agustinho Menegatti (PP) recebem a Cartilha na sequência. Caleffi aproveitou para falar das ações realizadas e defendeu que é preciso avançar. Sobre a cartilha, pontuou sobre os principais itens, como municipalização da água e saneamento, contorno leste, conselhos municipais, segurança pública, geração de emprego, construção do parque ambiental e turismo. Em resumo, disse que o plano de governo está alinhado com as demandas apontadas pelo documento.

Segundo o presidente da Acislo, Deni Luciano Boito, a entrega da cartilha significa a colaboração efetiva da associação na construção do município. “Nosso intuito é sempre desenvolver ações de liderança, apoio e mobilização”. Como o documento foi construído a quatro mãos, Boito garante que as propostas estão isentas de vícios ou interesses particulares. “O cumprimento fiel das sugestões norteia um desenvolvimento estruturado em curto, médio e longo prazo e projeta o município para os próximos 20/30 anos”, afirma.

Membro da comissão que elaborou a cartilha e vice-presidente da Acislo, Fernando Pressoto conta que o compilado é a leitura dos anseios e demandas do empresariado lourenciano. “A sugestão é que as duas coligações usem o material da melhor forma possível e sem moderação”, disse lembrando que, por ambas as coligações terem firmado o compromisso com as propostas, o documento servirá de ferramenta para acompanhar a administração a partir do dia 1˚ de janeiro de 2021. Essa é a terceira edição da Cartilha Voz Lourenciana editada pela associação.

Fonte: Assessoria de Comunicação Acislo